Notícia em Destaque

- O Padrão Visual da Raça Fila Brasileiro e Outras Histórias - Capítulo 5

Naquele ano de 1979, a eficiência do trabalho da CAFIB para a padronização e o melhoramento genético do Fila Brasileiro consolidava seu reconhecimento internacional. Em fevereiro, Christofer Habig, então chefe dos juízes de Fila na Alemanha e diretor do Club FürMolosser e. V., relatou, em carta a nosso representante na Europa, Chico Peltier, sua indignação pela chegada de “filas” mestiços a seu país...

Leia mais...

Apresentação

Este é o site oficial do CAFIB - Clube de Aprimoramento do Fila Brasileiro. Desde o ano de 1978, data de fundação do clube, nossa intenção é informar para preservar as características da primeira raça genuinamente brasileira.

O CAFIB foi criado em 19 de março de 1978, como resultado de uma mesa-redonda promovida pelo redator especializado de cinofilia do jornal O Estado de S. Paulo, Antônio Carvalho Mendes, com o objetivo de se encontrar uma solução para um grave problema que se verificava (e ainda se verifica) na raça: a mestiçagem, feita por criadores inescrupulosos, com cães de outras raças, principalmente os Mastins (Inglês e Napolitano) e o Dinamarquês.

O nome do CAFIB tem sido largamente usado por muitos criadores de Fila, do Brasil e de outros países, que jamais foram sócios do Clube e que nunca submeteram seus cães a análises. É que, numa raça com o triste histórico de polêmicas envolvendo mestiçagens acobertadas por falsos pedigrees, o nome CAFIB é sempre associado ao Fila puro e à credibilidade de registros. A raridade desses atributos acaba por revesti-los de forte apelo comercial. Por isso muitos criadores, a pretexto de criarem filas de “linha CAFIB”, com a maior desfaçatez fazem uso indevido do nome do Clube para atrair compradores incautos e vender filhotes das mais variadas origens. Daí a necessidade de uma relação dos canis oficialmente registrados no CAFIB.

Conheça alguns dos parceiros do CAFIB:

logo cafibi logo chico peltier logo unifila

Os requisitos básicos para os CRIADORES E SÓCIOS são:

SÓCIO DO CLUBE: estar em dia com o pagamento da anuidade e registrar oficialmente o canil no CAFIB. Clique aqui para saber mais sobre como tornar-se sócio.

CRIADOR: estar em dia com o pagamento da anuidade e registrar oficialmente o canil no CAFIB. Registrar ninhadas dentro de 24 meses, caso não haja ninhadas registradas o mesmo passará automaticamente a SÓCIO.

Valores e dados bancários do CAFIB: Clique aqui.